A gestão e a comunicação organizacional em Marketing
Por Rafael Mauricio Menshhein
22/09/2008

A comunicação é uma das ferramentas mais presentes nas organizações, mas para que tudo funcione adequadamente é preciso entender que não são todas as áreas que possuem a mesma linguagem, o que requer um conhecimento maior e também a integração organizacional.

Para que todas as pessoas de uma organização possam se comunicar mais claramente é necessário que exista uma troca contínua de informações, pois ao entender as nuances entre os "diferentes idiomas" falados na organização é possível fazer um trabalho muito melhor.

Mas são poucas as organizações que optam por integrar suas áreas, facilitar a comunicação e buscar o foco único, já que é muito comum encontrar pessoas despreparadas que incentivam conflitos internos porque acham que suas áreas carregam a empresa nas costas.

Então o desconhecimento é generalizado, as demais áreas passam a fazer com que seus concorrentes consigam obter maiores vantagens, pois a sua empresa vive em conflito e não sabe trabalhar com um foco único, pois cada um passa a achar que pode fazer tudo sozinho e que os demais atrapalham o desenvolvimento da empresa.

Também é evidente que existem pessoas que param para pensar, entender perfeitamente que todas as áreas devem ter um foco e que todas produzem em conjunto.

Um dos maiores desafios das organizações é eliminar as paredes invisíveis que são criadas por aqueles que têm medo do conhecimento, pois acham que já sabem tudo e que o mercado jamais mudará.

Talvez seja interessante observar também as oportunidades aproveitadas pelos concorrentes quando certas pessoas acharam que aquela idéia não daria certo, já que a idéia não era destas pessoas e que nenhuma outra pessoa pode pensar dentro da empresa, mas que na concorrência há um incentivo para se encontrar novas chances.

Quando a organização consegue integrar suas áreas é sinal de que existe uma compreensão muito maior do que o simples presente, já que todos têm em mente a chegada ao futuro, construindo no dia de hoje as bases, de forma mais sólida.