Marketing de Nicho

Por Rafael Mauricio Menshhein

15/12/2006

 

Em muitos casos a Segmentação do mercado deve ser mais específica, partindo para um nicho de mercado, focando muito mais seu público-alvo e direcionando todos os esforços de forma muito mais eficiente, essencialmente quando há espaço para atrair este consumidor para a oferta da sua organização.
Além de satisfazer de maneira mais focada os desejos e necessidades do consumidor, cabe ao profissional de Marketing identificar claramente o nicho, subdividindo um Segmento ou definindo um grupo que procura por um mix de benefícios distinto, como exemplo pode-se citar o Segmento de fumantes, que inclui aqueles que estão tentando parar de fumar e aqueles que não se preocupam com isso.
Uma das vantagens dos nichos sobre os Segmentos é que os nichos atraem um ou dois concorrentes, mas também aumentam a exigência do consumidor e a diferenciação dos produtos e serviços deve ser muito maior, pois o mercado inserido em um nicho é muito menor e o público-alvo conhece mais profundamente o produto, tornando fácil a substituição de uma empresa por outra, mas para que isso não ocorra deve-se ter um trabalho de fidelização muito bem elaborado e eficiente.
Algumas grandes empresas têm se voltado para o Marketing de nicho, o que requer mais descentralização e algumas mudanças no modo de fazer negócios.
A preferência pelo Marketing de nicho - e até o “micronicho” - pode ser notada na mídia, como exemplo podem ser citadas revistas lançadas para leitores específicos, subdivididas em:
 
  • Etnia;
  • Sexo;
  • Orientação sexual;
  • Praticas esportivas;
  • Etc.

As empresas que optam por entrar nestes mercados entendem tão bem as necessidades de seus consumidores que eles concordam em pagar um preço premium, exatamente por focar um público-alvo e colocar um produto mais específico à disposição destes consumidores, como exemplo a Ferrari cobra um preço pelos seus carros porque os clientes fiéis pensam que nenhum outro automóvel é capaz de oferecer tantos benefícios de produto, serviço e mercado.
Um nicho de mercado atraente tem as seguintes características:
 

  • Os clientes têm um conjunto de necessidades distintas;
  • Os clientes concordam em pagar um preço mais alto à empresa que melhor suprir essas necessidades;
  • O nicho não costuma atrair muitos concorrentes;
  • O nicho gera receitas por meio da especialização;
  • Tem potencial para crescer;
  • Gerar lucros.

Tanto as pequenas quanto as grandes empresas podem usar o Marketing de nicho, Linneman e Stanton acreditam que as oportunidades estão nos nichos e que as empresas terão que encontrá-los ou se arriscarão a ficar fora do mercado.
Segundo Blattberg e Deighton, “os nichos que são muito pequenos hoje para gerar lucros se tornarão viáveis, à medida que o Marketing for mais eficiente”.
O baixo custo de se colocar uma loja na Internet é um fator-chave, que torna rentável para atender até mesmo a pequenos nichos na World Wide Web (www), ainda mais quando 15% dos sites comerciais possuem menos de dez funcionários e faturam mais de 100 mil dólares e 2% faturam mais de 1 milhão.




 

O portal do Marketing respeita seus visitantes e usuários. Leia aqui a Política de Privacidade