Por quais resultados para seus negócios você está disposto a pagar com o uso da WEB?
Por Pedro Mizcci Majeau
18/03/2009

Primeiro vamos balizar o que podemos considerar resultados para negócios usando a web:

1 – Visitas ao seu website para exposição de sua marca;
2 – Visitas que gerem interação (pesquisas, posts, etc..) ou indicação de amigos;
3 – Cadastros em sua newsletter;
4 – Contatos comerciais por fone, chat, email ou formulário;
5 – Vendas de um determinado produto em sua loja virtual;
6 – Contatos comerciais para vendas consultivas que gerem visitas;
7 – Efetivos recebimentos financeiros das vendas consultivas.
Etc...

Projetos web podem ter objetivos diferentes e assim as metas de resultados para um pode não ser para outros.

O que é performance para um pode não ser para outros. Vamos analisar simploriamente o marketing de performance nas situações abaixo, veja para você o que pode ser melhor:

Situação 1:

Pessoas vendo seu anúncio e você paga pelo espaço usado e pela visibilidade que ele proporciona. Aqui você paga pela exposição;

Situação 2:

Pessoas vendo seu anúncio e você paga não pelo espaço usado ou pela visibilidade que ele proporciona, mas sim pelas visitas efetivas ao seu estabelecimento (website);

Na sua percepção, pelos seus interesses, por qual das duas situações de marketing você estaria disposto a pagar? Quais delas lhe comunica mais performance? Que resultados específicos você deseja com cada ação de marketing?

Analisemos agora outras duas situações para o marketing de performance:

Situação 2:

Pessoas vendo seu anúncio e você paga não pelo espaço usado ou pela visibilidade que ele proporciona, mas sim pelas visitas efetivas ao seu estabelecimento (website);

Situação 3:

Você não paga pelas visitas efetivas ao seu estabelecimento (website) e sim por um contato comercial pré-qualificado (por chat, email, telefone, formulário)

Novamente na sua percepção, em qual situação há um resultado específico para suas necessidades?

Pode parecer simples, ou lógico, qual situação é “melhor”, no entanto, para o desenvolvimento de uma solução deve-se determinar especificamente o que é resultado para o cliente, pois ao aprofundarmos nas especificações da solução ou das ações de marketing, as nuances do que é resultado pode exigir estratégias e sistemas mais complexos.

A grande vantagem do marketing de performance aplicada ao universo web é que as agências ou desenvolvedores tem que discutir objetivos específicos para a construção dos websites (peças publicitárias, lojas virtuais, hot sites, portais, etc...) que permitam colher métricas de resultados e defrontá-las com os objetivos previamente acordadas entre as partes. A utilidade da comunicação web torna-se imperiosa, principalmente quando atuamos com nichos de mercado!

Lembrando que tudo aquilo que você não consegue medir, você não consegue controlar, logo a administração torna-se ineficiente.

99% dos websites disponíveis no mercado não cumprem função, não foram desenvolvidos com um objetivo específico de marketing, não tem utilidade. Muitos dos websites foram construídos para no máximo serem bonitos, elegantes, com tecnologia de ponta, dinâmicos, etc.. mas que apenas marcam presença web.

Qualquer um que visita estes websites maravilhosos, geralmente institucionais, comentam: QUE SITE LINDO! Mas que por alguma razão cósmica não dão resultados para os negócios da empresa?

Já foi o tempo que marcar presença web já era um plus nos negócios!

No marketing de performance a agência ou desenvolvedor tem que suprir necessidades do público alvo de seu cliente com as comunicações web que passam a ser estratégicas por cumprirem funções táticas no negócio!

Assim, seu website tem que ser útil para o seu público alvo! Qualquer outro comentário, principalmente de quem não é seu público alvo é ruído e pouco útil para melhorias e implementações que qualquer comunicação possa receber.

Com o tempo descobrimos que clientes nem sempre possuem a sensibilidade de quantificar o resultado frente aos investimentos, ou, que resultados podemos conquistar com uma ação de marketing ou com as comunicações web. E é neste momento que a consultoria da agência ou do desenvolvedor torna-se um dos diferenciais do processo.

Pergunta:

* Como escolher uma empresa de marketing de performance para cuidar de suas comunicações web?

Sugestão de Reposta:

* Comece consultando o website da agência ou desenvolvedor, verifique se o que se apresenta atende suas necessidades, se lhe transmite a percepção de que lhe é útil;
* Veja se existe no website do desenvolvedor depoimentos com métricas de resultados pelo uso das estratégias de comunicação do marketing de performance propostas.
* Veja se na formalização da proposta, há alguma pesquisa que dimensione o tamanho de seu mercado e se lhe especifique os resultados almejados ou possíveis proporcionais a qual investimento.
* E antes da efetivação do negócio, peça referências e CONTATE-AS!
* Tenha quantas interações forem necessárias (virtuais ou presenciais) com a agência ou desenvolvedor para que você tenha a confiança necessária para depositar as comunicações web de sua empresa.
* FUNDAMENTAL: Busque captar a congruência das informações ao longo do relacionamento, a forma e velocidade que as interações ocorrem, a pré-disposição em argumentar com riquezas de detalhes as dúvidas por você apresentadas, a evolução das comunicações que conduzam a um objetivo que seja a missão comum das partes, antes da contratação.

Lembrando que não existem milagres, assim não espere ganhar R$ 10.000,00 a cada R$ 1,00 investido apenas por se ter um discurso de marketing de performance.

Você conhece alguma empresa de marketing de performance com tecnologia exclusiva e especializada em Prospecção de Clientes na WEB e com vivência de resultados positivos extraordinários junto a vários segmentos de mercado para contribuir com sua organização?

Pedro Mizcci Majeau é Web Marketer da Negócios de Valor - www.negocios-de-valor.com/artigos_sobre_clientes.asp