Marketing Pessoal (6): Regras de Etiqueta
Por Reginaldo Rodrigues
27/06/2011

Apesar de muita hipocrisia em torno do tema, a dita etiqueta deve ser considerada em todos os momentos, pois é também de extrema relevância dentro do Mix Marketing Pessoal. Podemos definir regras de etiqueta como um conjunto de normas a serem seguidas para uma melhor convivência em um determinado grupo. Estamos fal ando de normas e procedimentos aceitos pela maioria. Portanto as regras de etiqueta estão relacionadas totalmente às tradições e culturas.

Como nossa abordagem é mercadológica, vamos nos ater aos ambientes coorporativos, não que os outros não sejam importantes. Algum dos tópicos abordados aqui pode parecer óbvio ululante, mas há de ser mencionado, por exemplo: as roupas utilizadas na empresa devem estar em total sintonia com o ambiente. Mesmo que o uso do uniforme não seja adotado, use roupas discretas. O tom de voz deve ser moderado, e altas gargalhadas nem no horário de café. Falando nisso não se esqueça que a mesa do escritório não é mesa de jantar, portanto refeições ou lanches devem ser feitos na copa, cozinha ou refeitório, tente imaginar a chegada de um cliente ou parceiro da empresa e você de boca cheia.

A especialista em etiqueta, Célia Leão, diz que não é deselegante dizer não ao chefe quando o mesmo desejar atribuir mais tarefas quando você já custa dar conta das que já têm. Mas tem que ser com muito cuidado, pois sempre tem alguém de olho na sua vaga. Para dizer o não, enumere todas as tarefas que já tem, o tempo gasto em cada uma delas, e argumente. Ela diz ainda que não é aconselhável atender o celular do colega ausente, a não ser que tenha autorização, como não se deve entrar em assuntos que não são da sua alçada nem participar de conversas inadequadas. Não faça corpo mole diante das tarefas, pois assim correrá sério risco. Falando nisso, a grande vilã das empresas tem sido a internet, e por isso mesmo motivo de muitas demissões. Embora possa parecer tentador em determinados momentos, limite-se a usar a "net" somente para assuntos profissionais.

O Juiz Trabalhista do Rio Grande do Sul, Jorge Alberto Araújo afirma que o acesso a sites de relacionamento, como o Orkut, por exemplo, nos terminais da empresa podem ocasionar advertência, suspensão e até demissão por justa causa numa reincidência. Vários outros p equenos gestos podem fazer uma grande diferença. Certa vez, embora não seja minha área, mas atendendo uma solicitação do cliente, fiquei responsável por selecionar uma equipe para uma das filiais da empresa. Dentre os bons candidatos, escolhi um que tomou água e fez questão de lavar o copo e recolocá-lo no lugar, acabou sendo um critério para a contratação, associado a outros atributos, claro. Reaproveite tudo o que pode ser reaproveitado na empresa, o chefe observa. Mantenha o seu ambiente limpo e arrumado, cuide do equipamento e material como se fossem seus, essas ações podem definir uma promoção.

Portanto, não faca mais "aquela cara" que provavelmente você faz diante de futilidades, quando aparecer na televisão a Glória Kalil falando sobre boas maneiras no convívio social. Na maioria absoluta das vezes a prática da etiqueta nada mais é do que respeitar o espaço e o direito do outro, é ser educado. Vale para quem quer um lugar no mercado e para aqueles que se preocu pam com a manutenção do cargo. E para minha caixa de e-mails encher de mensagens de escárnio, vou ousar até indicar um livro da especialista Célia Leão: Boas maneiras de A a Z. Acesse os artigos anteriores sobre Marketing Pessoal aqui mesmo no Portal.

Reginaldo Rodrigues é Graduado em Comunicação Social com Pós em Gestão Estratégica em Marketing - Palestrante e Consultor - Blog: reginaldorodrigues100.blogspot.com - Twitter: twitter.com/reginaldorod - Site: www.rcem.com.br